NEWSLETTER
Cadastre seu e-mail:

Divulgação - SescTV
 
MANCHETES

» 10/02/2019 - 14:08
Documentário e show inéditos trazem Carol Panesi e Grupo no SescTV

Pupila do multi-instrumentista Hermeto Paschoal e ganhadora do Prêmio Profissionais da Música (PPM) 2018, de Brasília - DF, a também multi-instrumentista e compositora carioca Carol Panesi fala sobre sua trajetória musical, seu aprendizado com Itiberê Zwarg e sobre a formação de sua banda em documentário inédito da série Passagem de Som.  Ela comenta sobre o seu álbum solo de estreia, Primeiras Impressões (2017), produzido com composições autorais que mesclam jazz, música brasileira e world music, a música universal. O repertório do disco é apresentado por Carol Panesi & Grupo no show da série Instrumental Sesc Brasil.  Com direção geral de Max Alvim, as atrações inéditas vão ao ar neste domingo (10/02), a partir das 21h, no SescTV.

Carol tinha 11 anos de idade quando começou a estudar piano e violino no Conservatório Brasileiro de Música, no Rio de Janeiro. Sete anos depois conheceu Itiberê Zwarg, baixista e compositor que acompanha Hermeto Paschoal desde 1982. Monitorou a Oficina de Música Universal, idealizada por Itiberê e integrou a Itiberê Orquestra Família durante 13 anos. “Isso foi totalmente determinante na minha vida”, expõe no Passagem de Som. A orquestra foi transformada no Itiberê Zwarg Grupo. “Ali era como se fosse o meu mestrado, porque eu fiquei mais exposta”, conta a artista que decidiu estudar outro instrumento. “Aí que surgiu o trompete”, recorda.

Para Itiberê Zwarg, Carol já tocava afinado no violino desde o início. “A probabilidade de desafinar é 90% e 10% de afinar. Ela estava nos 10%”, afirma e fala que a violinista é sensitiva e sente as notas que está tocando. Hermeto acredita que, para realizar um bom trabalho, é preciso primeiro gostar do que se faz. Carol completa dizendo que “Só se consegue amar o que está fazendo se estiver sendo verdadeiro. Na época que eu entrei para a orquestra eu descobri isso”.

O primeiro disco solo da artista, Primeira Impressões, é resultado dessa experiência e tem participações da flautista e compositora Léa Freire, de Hermeto Paschoal e do Quarteto Iapó. A capa traz texturas e cores, projeto que envolve a maquiadora Alice Martins e a fotógrafa Nadja Kouchi, a convite de Carol.

No repertório do álbum, jazz, samba e choro se misturam a ritmos nordestinos, como frevo e forró. “O Nordeste está muito presente na minha vida e eu tenho certeza que o Hermeto faz muito parte disso, então eu fiz essa homenagem”, articula Carol.

A homenagem pode ser conferida no show da série Instrumental Sesc Brasil, que vai ao ar na sequência. Ao lado de Fábio Leal, na guitarra, Guegué Medeiros, na bateria, e Jackson Silva, no baixo, Carol se reveza entre o violino, o piano e o flugelhorn para tocar composições autorais.

 

Repertório: Boas Vibrações; Ansiosa; Abrindo Caminhos; No Balanço da Léa; Impressões; Ferragutti nos Pampas; Ganhando Asas; A Cara Dela; e Forró do Marajó, esta última em parceria com Salomão Soares.

HOME         MANCHETES        BLOG FABIOTV       CONTATO        PUBLICIDADE

2007 - 2019  fabiotv.com.br - Todos os direitos reservados.